Padre Redentorista une música à vocação religiosa

Logo após a Missa, das 19h, no sábado, devotos de São Geraldo acompanharam o show do sacerdote animador do Tríduo e Festa de São Geraldo, Padre Devaldo Vieira de Menêz, C.Ss.R. Natural de Ecoporanga - ES, ele afirmou que recebeu estímulo para sua vocação dentro da própria família. Entrou para o Seminário Diocesano de São Mateus - ES, mas decidiu sair em 2000. Como participava de romarias, em uma visita a Aparecida, comprou um livro sobre a vida de São Geraldo e se encantou pela história do Santo. A partir daí, decidiu que seria redentorista. Embora morasse na Província do Rio, foi seguir o caminho vocacional na Vice-Província da Bahia, pois ia sempre em romaria para Bom Jesus da Lapa (BA). O padre redentorista conta que cursou Filosofia e Teologia na Bahia.

 

O noviciado vivenciou em Goiás e foi ordenado em 2009. Trabalhou por 5 anos nas Santas Missões e, neste ano, foi transferido para Bom Jesus. O sonho de ser padre e de estar em contato com a música já o acompanhava em sua vida familiar e, dessa forma, hoje consegue evangelizar por meio das duas vocações. Neste ano lançou seu primeiro CD, intitulado “Sou teu povo em romaria”. Padre Devaldo conta que, ao escolher o nome da obra, pensou em contar os momentos do romeiro, desde a organização da viagem de ida até a volta. ”O CD é um sonho concretizado com muito amor e carinho. Amo o povo da Lapa, por isso o nome da coletânea”. Para a imagem da capa escolheu uma foto da festa do mês de agosto, e as músicas são composições próximas e de parceiros.  

 

A participação do padre da Vice-Província da Bahia na festa em Curvelo se deu por meio do contato com os padres Vicente e Paulo Roberto, C.Ss.R, que viram o trabalho de padre Devaldo com os romeiros e acharam que o perfil se encaixaria na proposta da festa da Basílica. Para padre Devaldo os romeiros de São Geraldo em Curvelo tem algumas características parecidas com o povo da Lapa, mas há particularidades. “Achei surpreendente as pessoas vestidas de São Geraldo, vindo cumprir suas promessas, agradecer”.  A respeito desta nova proposta de evangelizar com música, afirmou achar muito válida.”O povo de hoje é diferente do de 20 ou 30 anos atrás. A música, a dança, os instrumentos aproximam as pessoas. Podemos rezar cantando, conseguimos atrair muita gente dessa forma”. Finalizou com um convite aos jovens: “Nunca deixem de sonhar, o futuro vai depender de nós. Juventude, seja bem vinda com seu jeito!"

 

Veja mais fotos!

Please reload

Destaque

Música: Instrumento de Evangelização

November 22, 2019

1/10
Please reload

Notícias recentes

Please reload

MÍDIAS SOCIAIS

 

Notícias

Acompanhe todas as notícias do Secretariado Vocacional Redentorista